[Resenha] Para sempre – Alyson Noël


Ever Bloom é a garota mais bonita do colégio do bairro de Eugene, no Oregon, Portland. Seus amigos fazem parte do grupo dos populares, dos famosos jogadores de futebol da escola, e suas amigas, assim como ela, são garotas de torcida. Seu namorado é o mais cobiçado de todos. Ever tem uma vida perfeita.
Riley, sua irmã de 12 anos, não vê a hora de chegar seu aniversário. Se ela pudesse escolher ser alguém, ela escolheria ser a Ever. Inveja principalmente suas roupas, que Ever faz questão de não emprestar.
Ever Bloom é a garota mais estranha do colégio de Laguna Beach em Orange County, na Califórnia. Se esconde em seu casaco de capuz gigante. Seus amigos são Haven, uma garota gótica e Miles, gay, nada populares. Não tem namorado.
Riley, é sua irmã que terá 12 anos para sempre. Ela usa roupas de Ever sem pedir.
Complicou? Eu explico. Ever é a única sobrevivente de um acidente de carro que mata seus pais, sua irmã Riley e seu cachorro labrador Buttercup. Sozinha, após sair do hospital vai morar com sua tia rica, Sabine. Ela começa a perceber que não é mais a mesma, pois escuta os pensamentos das pessoas, enxerga suas auras e fica sabendo de toda a sua vida. Sua única maneira de se livrar desse chato dom é se escondendo, evitando o máximo de contato com as pessoas e colocando seu ipod no último volume. Essa é sua segunda vida, bem diferente da vida popular que levava quando seus pais ainda eram vivos. E é a partir desse momento que a história real começa.
Conhecemos Damen, um garoto super misterioso que se aproxima dos três amigos esquesitos. Quando Ever está ao seu lado todas as vozes em sua cabeça desaparecem, ela finalmente se sente uma pessoa normal. Em sua primeira vida ele seria um candidato perfeito a namorado, mas não nessa que se encontra, e à princípio deixa para Haven, já que ela “pegou a senha primeiro”. Mas não se pode mudar o destino. Ever já tem sua história traçada e ela começa a entender a partir do momento em que Drina, ex de Damen aparece.
Eu amei, amei, amei. Para sempre é o primeiro livro da série Os imortais e eu estou louca para ler a continuação. Esse livro tem uma narrativa fantástica, com começo, meio e fim impecáveis. Em algumas partes eu me surpreendia com o rumo que a história tomava porque eu achava que tal coisa, tal frase viria a seguir, e não veio nada do que eu pensava. Simplesmente magnífico. Vocês repararam que na capa tem duas tulipas vermelhas? Vamos dar atenção a elas desde o começo porque tudo tem significado, como Damen mesmo disse.
Todas as estrelas possíveis para esse livro.
Super indico.

Anúncios

10 comentários sobre “[Resenha] Para sempre – Alyson Noël

  1. Nossa, a história parece interessante, meio q diferente de coisas que abordam o mesmo tema: popular que inverte o papel depois de algum acontecimento. Enfim, apelar para a parte “fantasiosa” é meio arriscado, pois pode parecer meio infantil ou falso demais. Belo post, gostei da maneira que você retratou o tema principal e me despertou um certo interesse sobre a história. Vou ser sincero que me pareceu mais uma história para best-saller querendo vender, sem muito conteudo, mas espero estar errado. abraços

    Curtir

  2. Eu também achei esse o mais bacana da série. Os outros, pra mim, ficaram meio .. maçantes, o modo como ela escreve é chatinho de ler. Mas a história em si é muito boa, eu lí até Chama Negra e recomendo :)

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s