Amada Imortal – Cate Tiernan


Editora: Galera Record

Ano: 2012

Páginas: 279

Categoria: Ficção Americana

Tradução de: Immortal Beloved


Minha Avaliação: 4 (Muito Bom)

Avaliação no Skoob: 4.3 (em 06/12/13)


Amada Imortal é o primeiro volume de uma trilogia. Nele, as pessoas, na maioria das vezes, só descobrem que são imortais quando já estão na fase adulta, pois depois disso, não envelhecem. Só nascem imortais se forem filhos de imortais. Não existem híbridos, se um imortal tiver um filho com um mortal, esse também será mortal. Caso que os imortais já experientes tentam ignorar ao máximo, já que ver seus amados morrerem é um dos mais profundos sofrimentos. 

Nastasya, 449 anos, é uma dessas, e seus relacionamentos são apenas por diversão. Seus amigos, apesar de existirem há séculos, parecem não terem saído da puberdade tal como suas aparências. Suas vidas são um caos total. Após um episódio chocante, Nastasya se sente estranha, começa a achar que seus amigos estão indo longe demais com a Magick, e foge sem deixar vestígios.
Ela vai de encontro a River, uma imortal que presenciou um antigo acidente com eles que matou mortais. Nastasya descobre que River’s Edge é tipo um reformatório para imortais que os ensina a Magick Branca, e a ver a vida de uma maneira diferente. Porém, esse reformatório reserva grandes surpresas para ela, e o que parecia estar enterrado para sempre em sua memória, retorna novamente.

As lembranças não paravam de correr como um riacho de ácido fresco pingando no meu cérebro até eu querer gritar. (p.31)

Amada Imortal nos traz um tipo diferente de imortais e uma estória bastante diferenciada, porém é mais um livro que estamos acostumados no gênero. No começo da leitura ele não nos fala qual é o intuito da mesma e eu confesso que pensei: gente, mas qual é a estória principal afinal?

Mas depois flui, e não é bobinho. Esse livro me surpreendeu por trazer um desenvolvimento mais maduro dos personagens, e isso é totalmente compreensível já que os imortais já viveram de tudo nessa vida.

O principal nessa vida é não ser bom o tempo todo. É ser tão bom quanto se pode ser. Ninguém é perfeito. Ninguém faz a coisa certa o tempo todo. Não é assim que a vida é. (p.96)

Gostei muito das passagens que me fizeram aprender e pesquisar coisas novas, como: qual foi o primeiro carro lançado no mundo; orações quaker; visão wabi sabi japonesa; alguns tipos de pássaros; chá com efeito relaxante; um pouco sobre pedras; raça de cavalos; plantas venenosas; e claro, o mais importante: como tirar cheiro de gambá em cachorros. Aliás, quem é que não gosta de aprender com leituras prazerosas? É mais um dos livros que inspiram a pesquisar e entender melhor do que está falando. A-mo! rs

Como Oscar Wilde, consigo resistir a qualquer coisa, menos a tentação. (p.139)

Claro, claro, não poderia deixar de falar que tem o personagem Reyn na estória, e ele é totalmente relevante, apesar de se mostrar um babaca de primeira, como Nastasya mesma diz. Nell é outra imortal do reformatório, e é apaixonada por Reyn. Mas o meu personagem favorito não aparece muito, e é o Jasper, cachorro da raça corgi responsável por eu saber agora como tirar cheiro de gambá dos pelos caninos. :P
Só vai uma dica: não se assuste com o tanto de “e” que você encontrará se optar a ler esse livro. Sabe? Ela fez isso, e isso, e isso, e isso, e disse isso, e isso, e foi embora. Se não foi erro de revisão, certamente é estilo de escrita da autora.
Gostei bastante e indico a leitura!

Inspire-se

Produtos / Marcas: Botas Dolce & Gabbana / Ankle Boots de pele de lagarto verde / Pain Au Chocolat / London Times / Bolacha McVitie’s / Chips Ahoy! / Picape vermelha / Pullover aveludado masculino / Máquina Polaroid / Anos 60: Kajal Egípcio, Túnica de seda da Índia coberta de cores espiraladas, Lenço de seda Peter Max / Dr. Pepper / Trench Coat da Burberry / Bebidas Screwdriver e Sidecar / Suéter de cashmere de estampa de onça / Calça preta skinny / Toyota / Calça de cetim risca de giz Lacroix / Manolos de Oncinha / Calcinha de cetim La Perla com renda / Jaqueta de couro Roberto Cavalli / Macacão Jean Paul Gaultier / Suéter Chanel rosa-shocking / Sorbet de framboesa / Donettes e Ding Dongs / Bolsa Tampax / Tinta de cabelo Garnier Nutrisse / Estojo de sombras Pixi Lumi Lux Eye Palette / Esmaltes L’oreal / Sal Kosher / Curativos Ace / Casaco de homem da Michelin.

Literatura : Jeeves, de P. G. Wodehouse.

Filmes: Jornada nas Estrelas.

Programas de TV / Seriados: Days of Our Lives.

Músicas / Músicos: Canção dos ratinhos, Cinderella / Enya / Opera La Bohème / Tosca / Swing Low, Sweet Chariot.

Estabelecimentos / Empreendimentos: Bar Dungeon, na Irlanda – Inglaterra / Hotel George V, em Paris / Hotel St. Regis, em Nova York / Restaurante Clancy’s, em Boston / Sylvia’s Dinner / Pitson’s / Walgreens / Dunkin’ Donuts / Auntie Lou’s / Home Depot.

Outros: Cirque du Soleil.

Para saber mais sobre os itens acima, clique nos nomes.
Para ouvir as músicas no perfil do blog no Grooveshark clique aqui.
Gente, que produtos são esses? Fiquei babando com Pain Au Chocolat, McVitie’sChips Ahoy!, Donettes e Ding Dongs !!! Quem tiver acesso, manda pra mim pelo Amoooor de Deus!!! rsrs Não conhecia também a marca de maquiagem Pixi, quero tudo que vi no site!! rsrs

Espero que tenham gostado do post de hoje. :))  Para finalizar: as fotos. Até a próxima!

Anúncios

27 comentários sobre “Amada Imortal – Cate Tiernan

  1. Mas gente, que linda a edição da editora, perfeita *o*. Mas falando do livro, desde que li o livro da Alyson Noel com essa temática eu desisti de ler coisas nesse estilo, mas esse livro parece ser muito bacana e tenho certeza que gostaria de ler.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    Curtir

  2. Aii que legal! Quero esse livro! Depois que os outros dois serem lançados, claro. Não leio series, trilogia e a parafernália toda, se os livros já nao estiverem em minha mão… sou muito ansiosa hehe
    Ai que capa linda!!! Eu tenho um fraco por capas pretas :)
    bjos

    Curtir

  3. Estou há um tempo querendo ler esse livro, primeiramente pela sinopse e depois pela capa, que achei linda!
    Então, tbm adoro livros que me fazem querer pesquisar sobre assuntos citados na trama depois. Os autores espanhóis sempre fazem isso cmg (sei lá se é uma característica deles), mas é bom saber que a Cate Tiernen tem um pouco disso tbm.
    Adorei a resenha, Thaysa. Super bem escrita.
    Beijão! Fica com Deus.

    Curtir

  4. Menina, adorei a resenha. Eu acho que o 'e' é da autora mesmo. É o jeito dela. Enfim, eu li este livro semana passada. Não curti muito a imaturidade da protagonista, porém, achei ela divertidíssima.
    Já li Cair das Trevas, e garanto que muito melhor!!! Leia logo!!! Você vai amar!!! É bom demais!!!

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    Ah! Por favor, vote na minha foto para o concurso cultural. Faltam 3 dias e vale 1 voto por dia. Conto com você! http://bit.ly/194R4NV

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s